7351 PRUMO - Relações com Investidores
4T14
Diminuir Fonte Aumentar Fonte VoltarVoltar ImprimirImprimir EmailEmail PDF DownloadDownload Compartilhe
Ao longo de 2014 a Prumo realizou uma série de mudanças implementadas pelo novo controlador EIG, iniciadas no final do ano de 2013

Mensagem do Presidente

Ao longo de 2014 a Prumo realizou uma série de mudanças implementadas pelo novo controlador EIG, iniciadas no final do ano de 2013. Com a entrada do novo Diretor Presidente, Eduardo Parente, em Fevereiro de 2014, a Companhia reorganizou sua Diretoria e reestruturou seu plano de negócios de longo prazo alinhado com a visão do novo controlador. Além disso, também reestruturou seu modelo de governança com o objetivo de melhorar a gestão e criar as condições e a segurança para a nova fase operacional do Porto do Açu Operações S.A. (“Porto do Açu”).

A entrada das Diretoras Marina Fontoura e Cristiane Marsillac, executivas experientes vindas do mercado, ajudou no desenvolvimento de um novo ciclo de planejamento estratégico, com foco na entrada em operação das nossas atividades, atração de novos clientes e desenvolvimento de novos negócios para maximizar a criação de valor para Prumo. No início de 2015, a entrada do Diretor Eduardo Xavier, com experiência em Regulação e especialista no setor portuário, foi relevante para conseguirmos dar andamento ao nosso plano de negócios. Sob o aspecto comercial, a Companhia conseguiu fechar importantes parcerias em 2014, com destaque para a assinatura do contrato para instalação de base de apoio offshore com a Edison Chouest e a formação de uma joint venture com a Britanic Strategies Limited (“BP”) para distribuição de combustíveis marítimos. Além de receitas de aluguel, estes contratos poderão atrair novos clientes, aumentando a ocupação da nossa retroárea e a movimentação de navios no Porto do Açu.

O ano também foi marcado pelo início das operações da Prumo. No Terminal 1 (“T1”), a Ferroport - joint venture formada por 50% Prumo e 50% Anglo American - começou a receber minério de ferro através de mineroduto que conta com 529 km de extensão. O início das operações ocorreu em Outubro de 2014, com o carregamento do primeiro navio de movimentação de minério. Com o primeiro embarque realizado, o pagamento previsto no contrato de take or pay assinado com a Anglo American iniciou no 2º semestre de 2014, gerando uma receita relevante para a Ferroport. O Terminal 2 (“T2”), também entrou em operação com o início da atividade de movimentação de carga dos nossos clientes localizados a margem do canal.

A construção do Porto do Açu também foi destaque neste ano. Os avanços físicos das principais frentes de obra no desenvolvimento da infraestrutura básica para a operação dos nossos terminais, e dos nossos clientes foi impressionante. A parceria com os fornecedores que atuam na construção do Porto do Açu e os colaboradores da Prumo foi fundamental para entregarmos a estrutura necessária para o início das operações em segurança. No final do ano de 2014, a Companhia passou por um novo aumento de capital social, no montante de R$ 650.000.000,00 (seiscentos e cinquenta milhões de reais). O aumento de capital, subscrito e integralizado na totalidade das ações emitidas, contou com a participação do controlador em 99,98% do aumento e com a participação de 0,02% dos acionistas minoritários. A operação teve o objetivo de preparar a Companhia para uma nova fase de investimentos em 2015 que compreende, principalmente, o desenvolvimento de novos terminais no Porto do Açu para movimentação de petróleo, cargas de projeto e granéis sólidos, além da expansão da infraestrutura básica no Distrito Industrial para atendimento a novos clientes.

Ainda sobre a alteração na estrutura societária da Prumo, em consequência da não participação do Sr. Eike Fuhrken Batista e Centennial Asset Mining Fund LLC (juntos, “Sr. Eike Batista”) no processo de aumento de capital da Companhia e, ainda, em consequência da transferência da quantidade de 185.630.627 de suas ações para o Fundo Mubadala, o Sr. Eike Batista teve a participação acionária reduzida para aproximadamente 6,68% do capital social da Prumo. Em virtude da redução da sua participação acionária, o acordo de acionistas firmado com o acionista controlador EIG foi extinto e a Companhia deixou, definitivamente, de ser parte relacionada com as outras empresas do Grupo EBX. Com a estrutura de capital reforçada, o início das operações e suas vantagens competitivas, a Prumo acredita que 2015 será o ano para consolidar o Porto do Açu como a melhor alternativa para ajudar clientes a reduzir custos e solucionar seus problemas..
 

Meus Favoritos
Selecione 5 canais favoritos do site e tenha-os sempre na home.
    Basta clicar no ícone , na barra ao lado do título, para adicioná-la aqui.

    Para excluí-la, basta clicar no
    Fale com RI
    Fale com a PRUMO e tire suas dúvidas ou envie sugestões. Clique aqui
    Alertas RI
    Receba alertas da PRUMO e mantenha-se informado.
    Conheça mais:
    Copyright © 2010 PRUMO
    Todos os direitos reservados
    Política de Privacidade | Termos de Uso